×

Capela de Santo Antônio

Capela de Santo Antônio

Capela de Santo Antônio

Comunidade de Guardas

 

 

Uma das mais antigas edificações da região, a Capela de Santo Antônio localiza-se na Fazenda dos Guardas, de propriedade do Sr. Júlio Melo Franco. Não se sabe ao certo o ano de sua construção, as datas divergem entre 1723 a 1745, anterior, portanto à fundação do próprio arraial do Patafufo, que deu origem a atual Pará de Minas. Pela última data, a Capela Santo Antônio de Guardas teria hoje 254 anos de idade.


A Fazenda dos Guardas teve origem no antigo posto de observação avançado mantido pelos exploradores do ouro da região de Pitangui. Aos guardas cabiam a tarefa de fazer chegar até à cidade a notícia da vinda dos soldados leais à Coroa Portuguesa, com o fim de cobrar os impostos relativos ao ouro encontrado. Avisados a tempo, os moradores de Pitangui escondiam o que fosse possível, para fugir da enorme taxação real.


Nesta época é que possivelmente foi construída a Capelinha em devoção a Santo Antônio, português, como a maioria dos habitantes das minas.


A Capela Santo Antônio de Guardas, apesar de estar em território pertencente à cidade de Pará de Minas, está ligada, religiosamente, à Paróquia Sant’Ana de Onça do Pitangui. Atualmente, a Comunidade é assistida pelo Pároco da Paróquia Sant’Ana, o Sr. Pe. Edvaldo José Damasceno. A Comunidade ainda não possui um Conselho Pastoral e Administrativo organizado, quem toma as decisões e está a frente da Comunidade é a Sra. Expedita e família. No mês de junho a Comunidade se reúne para celebrar com grande alegria o Padroeiro Santo Antônio.


A maior preciosidade da Capela é a pequena Imagem de Santo Antônio, que os devotos chamam de Sano Antoninho, pelo fato de medir aproximadamente trinta centímetros de altura. A imagem é dota esculpida em madeira e sua pintura é original. Não se sabe a sua origem, apenas que esta ali, desde que a Capela foi erigida. Segundo o proprietário a Capela traz mo teto uma pintura de Santo Antônio, que esta escondida por camadas de tintas, sendo, provavelmente, de autoria do Mestre Athaíde.
 

Fotos

Parceiros