HISTÓRIA DA DIOCESE

IGREJA PARTICULAR DE DIVINÓPOLIS


A Diocese de Divinópolis, criada no dia 11 de julho de 1958, pela bula “Qui a Christo”, do Papa Pio XII, é desmembrada da Arquidiocese de Belo Horizonte e da diocese de Luz. A instalação aconteceu no dia 17 de maio de 1959, quando foi sagrado o seu 1º Bispo Diocesano, Dom Cristiano Frederico Portela de Araújo Pena que renunciou ao governo da diocese no dia 26 de março de 1979. O 2º bispo foi Dom José Costa Campos, transferido da Diocese de Valença-RJ, que tomou posse no dia 20 de maio de 1979 e renunciou em 05 defevereiro de 1989. Dom José Belvino, 3º bispo da diocese, tomou posse no dia 11 de junho de 1989, um mês após o Papa divulgar sua transferência. Dom José Belvino  renunciou no dia  11 de fevereiro de 2009. O 4º bispo, Dom Tarcisio Nascentes dos Santos, tomou posse no dia 17 de maio de 2009, e no dia 01º de agosto de 2012 foi transferido para a Diocese de Duque de Caxias - RJ. No dia 25 de maio de 2014, aconteceu a ordenação episcopal e posse canônica do 5º bispo da diocese, Dom José Carlos de Souza Campos.


Pertence à província eclesiástica de Belo Horizonte e ao Conselho Episcopal Regional Leste II da CNBB. Está localizada no centro meridional do estado de Minas Gerais, limitando-se com a Arquidiocese de Belo Horizonte e as dioceses de Sete Lagoas, Oliveira e Luz..


A Diocese de Divinópolis está localizada no Centro meridional do Estado de Minas Gerais, contando com uma superfície de 8.824 Km² e com uma população aproximada de 750.000 habitantes.

 

Atualmente a Diocese conta com 53 paróquias, divididas em 6 foranias em 25 municípios. A organização pastoral da diocese está assim constituída no Conselho Diocesano de Pastoral: pastorais Cebs, Movimentos, Novas Comunidades e o Conselho Diocesano de Leigos. A Diocese de Divinópolis conta também com o Tribunal Eclesiástico de 1ª instância.

 

 

Vídeos

Clique na imagem para visualizar o vídeo.

Publicidade